Rezas do povo

passaro_carta.gif REZA DO POVO
o pão nosso de cada dia
sovado por estes braços fatigados
não nos seja subtraído por ninguém
menos ainda por tecnocratas
manipuladores de dados e de cifras
eles não sabem o que é cansaço
trabalho árduo salário minguado
apito de fábrica madrugadas frias
amém
----------
24/02/2005
Líria Porto

PRECE IRLANDESA
Que a estrada se abra a sua frente,
Que o vento sopre levemente as suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos.....
E, até que nos encontremos de novo,
Que Deus lhe guarde na palma de suas mãos......

PRECE INDÍGENA
"Deixem-me seguir as pegadas do meu inimigo por três semanas, carregar o mesmo fardo e passar pelas mesmas provações que ele, antes de dizer uma só palavra de desaprovação à sua conduta".
São palavras que encerram uma profunda sabedoria.
Julgar o procedimento alheio, sem antes procurarmos entender os motivos que o levaram a agir assim, é o caminho mais fácil, porém é também o que mais nos leva a cometer injustiças.
Sempre esperamos que os outros entendam as nossas motivações e quando não o fazem sentimo-nos injustiçados.
Mas será que nós procuramos sempre entender as razões alheias?
Será que, ao menos por um instante, seríamos capazes de tentar imaginar como agiríamos se estivéssemos no lugar da outra pessoa?

Experimente, ao menos uma vez, carregar o fardo de seu inimigo!
--------
(Kotinha)

LauraBM às 00:11 | E custa, comentar neste blog?
TAGS = temas do blog (Clique em cima):